Naatz reforça apoio à nova edição da regata “Ocean Race” em Itajaí

Facebook
Twitter
Pinterest

O deputado e presidente da Comissão de Turismo e Meio Ambiente da Alesc, Ivan Naatz (PV), teve reunião nesta segunda- feira (29), na prefeitura de Itajaí, quando manifestou apoio ao prefeito Volnei Morastoni (PMDB) e ao secretário municipal de Turismo, Evandro Neiva, à mobilização para que o município confirme a sede de mais uma parada (a quarta edição) da maior regata do mundo, a The Ocean Race – nova versão da Volvo Ocean Race. O evento internacional passa por reformulações e deverá acontecer entre 2021 e 2022.

Para garantir a sede, única na América Latina, Itajaí terá que vencer a disputa e ofertas mais generosas vindas de Salvador (BA) e São Sebastião (SP). Por isso necessita de apoio financeiro do governo do Estado, a exemplo das edições anteriores, mas que atualmente ainda está indefinido. Segundo, o prefeito Volnei Morastoni a prefeitura já apresentou à The Sports Consultancy, a empresa que seleciona as paradas da regata, a oferta de 1,25 milhão de euros. É o mesmo valor de subsídio pago na edição anterior pelo governo do Estado, cerca de R$ 4, 7 milhões, mas Itajaí aposta na  experiência na organização da parada e a crescente infraestrutura em torno do evento.

O deputado Naatz disse que a movimentação turística e financeira do evento que na última edição, ano passado, recebeu mais de 400 mil visitantes e movimentou mais de R$ 83 milhões, além de retorno de ICMS de R$ 6 milhões e mídia espontânea nacional e mundial, segundo balanço do Instituto de Pesquisas Sociais da Univali, justificam o investimento estadual e municipal que ficou em cerca de R$ 12 milhões.

“O turismo náutico está se consolidando em Itajaí e Santa Catarina como forte fator de geração de emprego e renda, por isso acredito ser missão do parlamento apoiar eventos deste nível que vem em benefício da economia catarinense e de toda sociedade”, resumiu Naatz, acrescentando que levará o assunto para debate na próxima reunião da Comissão de Turismo e Meio Ambiente da Alesc, além de interceder junto a Santur e governo do Estado. O prazo final para confirmação da proposta de Itajaí junto à empresa internacional que coordena o evento é o dia 17 de maio.

Gostaria de Receber conteúdos exclusivOs?

*Sempre que sair conteúdo novo, será notificado