Naatz destaca linhas de crédito do BRDE e Badesc para setor empresarial impactado pelas chuvas

Facebook
Twitter
Pinterest

Depois de se reunir com a direção o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), o líder do governo deputado Ivan Naatz (PL) confirmou em plenário que entre as medidas econômicas anunciadas pelo governo do Estado para enfrentar os impactos das chuvas em Santa Catarina estão R$ 300 milhões em nova linha de crédito subsidiado para empresas.

Segundo o deputado, esses recursos serão via o Pronampe Emergencial, sendo R$ 150 milhões pelo Badesc, agência de fomento do estado, e R$ 150 milhões pelo BRDE. Além disso, serão postergados R$ 150 milhões em crédito já contratado por empresas. Microempresas, empresas de pequeno e médios portes diretamente atingidas pelas chuvas em Santa Catarina, poderão solicitar crédito da linha Pronampe Emergencial, operacionalizado pelo Badesc, já a partir da próxima semana.  A medida estará vigente após publicação de um decreto do Governo do Estado que autorizará o subsídio dos juros.

Naatz frisou ainda que 50% dos juros serão subsidiados pelo governo catarinense e quem aderir ao programa poderá solicitar até R$ 150 mil com carência de um ano e 36 meses para o parcelamento. “São boas noticias que demonstram a ação e o empenho imediato do governador Jorginho Mello em minimizar os prejuízos causados pelas chuvas também no setor empresarial e produtivo de Santa Catarina”, destacou Ivan Naatz.

 

Comunicação Gabinete – Em 26-10 – 23

Gostaria de Receber conteúdos exclusivOs?

*Sempre que sair conteúdo novo, será notificado