Naatz: Torneios de pássaros poderão ser retomados em SC

Facebook
Twitter
Pinterest

Em reunião nesta semana com o secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Valdir Colatto , e com a direção e técnicos da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina – Cidasc, os deputados Ivan Naatz (PL) e Camilo Martins (Podemos), receberam a informação de que nos próximos dias deverá ser liberada , mediante regulamentação de regras  de biossegurança, a retomada dos torneios de canto de pássaros em cativeiro, atividade que já é tradicional no estado e envolve centenas de criadores. Eventos do gênero, assim como as exposições , estavam suspensas desde maio do ano passado, devido ao estado de emergência zoossanitária em razão de um surto da doença influenza aviária que atingiu diversas regiões do país.

“É uma vitória para as associações de passarinheiros “, anunciou Ivan Naatz , ressaltando que a atividade envolve grande movimentação econômica em diversas regiões catarinenses, já que ao todo , são cerca de 28 mil criadores cadastrados no Instituto do Meio Ambiente (IMA), sendo mais de 5 mil só na região de Blumenau, envolvendo um total de mais de 230 mil aves, segundo dados da própria categoria.O deputado antecipou ainda que a liberação gradativa exclusiva para os torneios de canto deverá abranger 74 municípios mediante algumas regras como a proibição da entrada de aves de outros estados, obrigatoriedade de um responsável técnico, distância por gaiolas ( 30 cm) e a movimentação com exigência de Guia de Trânsito Animal (GTA) para garantir a rastreabilidade da ave.

Em setembro do ano passado, atendendo reivindicações da categoria, por proposição do deputado Ivan Naatz, via Comissão de Agricultura e Política Rural da Alesc, foi  realizada em Blumenau, uma audiência pública para debater a situação normativa legal que determinou a suspensão dos torneios de canto e exposições de criadores de pássaros em Santa Catarina.A audiência aconteceu na Associação Blumenauense dos Criadores e Mantenedores de Pássaros Silvestres e contou com a presença de autoridades ambientais e representantes de entidades do gênero de todo o Estado.Desde então, os criadores aguardam notícias sobre a liberação dos eventos .

Gostaria de Receber conteúdos exclusivOs?

*Sempre que sair conteúdo novo, será notificado